Archive | março 2012

De dentro.

Fascinado por pianos, Matthew Brown conseguiu o aval para entrar na fabricante de pianos Steinway com duas câmeras e dois atores e assim produzir esse video de apenas 5:12.

Ao som de Schubert, ele interpreta cada nota com uma ação e começa uma viagem, em todos os sentidos, por dentro da estrutura do instrumento e do sentimento de uma música. Matthew tenta saciar nossa vontade de saber o que se passa na mente desses grandes pianistas que vemos apenas em cima de um palco e que, perfeccionistas, não erram uma nota como se entrassem dentro da partitura, sem pensarmos por nenhum segundo que na verdade o instrumento e a música é que os capturam.

Anúncios

Colchões de Walthamstow

Lindsay Lohan

Depois de um longo feriado, o TCRI volta com uma reportagem pra lá de bizarra. Mas vou dizer que quando li a sugestão de matéria enviada por mais um dos Wilde Boys de Crew (CWB) (única tradução pra essa sigla coritibana), encontrei um fio de esperança para humanidade nessa essência de bom humor que permanece ao longo dos tempos.

Bem, primeiro precisamos aprensentar Walthamstow, também conhecido como Awesomestow, que se situa originalmente no norte da França e foi conquistada pela rainha Victoria numa aposta com Napoleão III em 1852. O que aconteceu em Walthamstow foi uma problema que assolou a comunidade local: o abandono de colchões, seja por mudanças de casa dos proprietários, falecimento, ou apenas a aquisição de um colchão melhor. São, acreditem, deixados à própria sorte, submetidos à eutanásia, alguns adotados ou quando muito sortudos, conseguem uma vaga em algum abrigo.

Sem conseguir provar a veracidade dessa história, podemos apenas dizer que existe um movimento no Facebook e até um vídeo para conscientização da população para que não abandonem mais colchões.
E você pensou que parava por aí? Não mesmo. Como se não fosse suficiente toda a gama de besteirol dos 9gag’s e fuckyeahdementia da vida, algum sujeito teve um maravilhoso insight ao comparar celebridades com colchões numa simbiose entre cor e forma. Algo que só é explicável com as imagens a seguir.
Lindsay Lohan

Lindsay Lohan não poderia escapar. 

Todos nós já conhecemos a Lindsay na sua fase fofinha quando fazia filmes para Disney. Aqui ela aparece no ápice de um momento intimista, em busca de sua essência em posição fetal. Alguém explica pra ela que cigarro não rola no útero?

Sandra Bullock

Sandra Bullock radiante.

Essa foi uma das melhores comparações ao meu ver pois tudo combina. A iluminação e os tecidos em equilíbrio perfeito. Se Sandra Bullock fosse um colchão, com certeza esse é o favorito na projeção pessoa-colchão.

Rihanna

Rihanna

Aqui, numa situção meio antes-depois de ter levado uma pequena surra do, agora-aclamado-pelas-adolescentes-que-não-viveram-o-episódio, Chris Brown no canto de uma esquina suja, Rihanna mostra que saiu por cima dessa e está inteira. E o vestido também (sofreu aquela reforminha básica).

Queen Elizabeth II

Queen Elizabeth II

Como não poderia faltar, a rainha Elizabeth num dos seus conjuntinhos com mais de 24 botões, aparece com uma companhia da Marinha (imagino que esse seja o uniforme deles).

Jessica Simpson

Jessica Simpson

Numa elegância de dar inveja, Jessica Simpson está claramente copiando esse colchão que, assim como ela, visivelmente já teve seus dias de glória.

Britney Spears

Britney Spears

Ironicamente Briney escolhe o modelinho “atrás das grades” num vermelho que remete aos seus dias de garotinha do interior.

Alan Cumming

Alan Cumming

E como não poderia faltar um dos 8 atores da Grã Bretanha, Alan Cumming vem mostrando toda sua escocilidade num terno puramente xadrez e fazendo jus ao seu trio de eu-matress de Walthamstow.

Mas as comparações não param por aí. Quem quiser conferir, tem mais no album do Facebook. E fica a dica, é claro: quem precisar de colchão  mas tá com a graninha curta, dá uma passadinha em Walthamstow e vê qual combina mais com seu outfit favorito.

Lanche da tarde

Impossível imaginar alguém que não goste de Nutella. A Ferrero lançou o produto em, pasmem, 2004 num novo conceito: um pack com um lanche completo, que vem uma porção de Nutella, alguns biscoitinhos e um chá para acompanhar e esquilibrar na quantidade de doce.

 

 

 

 

Não consegui ver se o produto ainda existe, mas a idéia é boa. Fiquei já imaginando alguns pack possíveis…como um potinho desses de pão-de-queijo com manteiga e um achocolatado pro café da manhã. Já à noite uns amendoins, azeitonas e cerveja e por aí pode continuar indo.

 

What if…?

E se os bebês flutuassem? A fotógrafa Rachel Hulin gostou da idéia e materializou a idéia nessa série de fotografias nomeada “Flying Babies”.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Propositalmente loucos.

A Wieden + Kennedy de Shanghai escreveu o roteiro e a produção ficou por conta do Shotopopde Londres. O objetivo era o mesmo: motivar pessoas a fazerem um teste de criatividade online e ter a chance de integrar a sua equipe (W+K).

O vídeo traduz um espírito meio que comum no meio criativo: a loucura e a anormalidade, com aquele conceito de que “se você não se encaixa no mundo, quem sabe aqui é o seu lugar e você ainda vai ser pago pra isso” (nossa!).

Talvez na Wieden+Kennedy isso seja possível. Talvez não. Mas refletir sobre o fato de que grandes artistas com toda sua loucura ajudam a alimentar a máquina capitalista com seus desenhos perfeccionistas, textos bem escritos e vídeos bem dirigidos, bem, isso é de dar um nó no cérebro.

Por enquanto a gente fica com a animação super colorida da W+K e vai digerindo a reflexão pro próximo café.

 

Inception

Já parou pra pensar quando foi a primeira vez que alguém mencionou uma nova palavra e deu sentido a um novo conjunto de caracteres?

Encontrei uma lista sobre quando foram pronunciadas pela primeira vez algumas palavras em inglês, usadas por nós também no português, como picnic, pop, cookie e hipster.

Frota das Raposas

O som de hoje vem dos americanos de Seattle do Fleet Foxes, que se auto define como  “baroque harmonic pop jams”. Eles já lançaram 2 EPs, o Fleet Foxes (2006) e o Sun Giant (2008).  Em 2008 lançaram também o primeiro álbum completo, com 11 faixas, também chamado Fleet Foxes. Ano passado, 2011, vieram com seu segundo CD, o Helplessness Blues (2011).

E pelo que parece, stop motion vem sendo uma técnica recorrente nos clipes das bandas indies. O escolhido de hoje, do último album da banda, é Mykonos e segue nessa mesma linha, com muito triângulo e reafirmando quão hipsters são os caras.

Bom arranjo, boas vozes e boa animação. Segue aí.

Cidade do Samba

Se você ainda não viu, precisa só apertar o play nesse vídeo de 5 minutos e 46 segundos que mostra o Carnaval no Rio Janeiro numa nova perspectiva, e que segundo o Twitter da produtora de São Paulo AD Studio:

“The City of Samba atinge 600.000 visualizações no Vimeo em apenas 6 dias. – no início deste mês”

Segue o vídeo produzido com apenas o corpo de uma Nikon D3s e algumas lentes por  Jarbas Agnelli e Keith Loutit 

Gira-pratos

Blue Jelly

Enviado por: Rhony Guedes de Curitiba. 

A matéria de hoje é sugestão do nosso repórter da ponte Florianópolis/CWB (Wilde Boys de Crew). E como um bom garoto, nos lembra de que quem nunca brincou de girar os pratos quando era criança sem nunca levar uma bronca da mãe não teve infância.

Já o fotógrafo Phillip Karlberg e o Chef/Stylist Mattias Nyhlin provavelmente viveram uma infância feliz e anos depois se jutaram numa experiência bem parecida: rotacionar algumas sobremesas sobre alguns LP’s a 33rpm.

Quando eles tiveram essa ideia é impossível saber, mas pelos resultados – que ficaram muito bons – a gente é induzido a uma experiência quase sinestésica que mistura Whitesnake com cheesecake com gelatina a Where is my mind, do Pixies com panacotta.

Candied pear with sweet red wine reduction.

”Jolene” by Dolly Parton

Raspberry sorbet, mint ice cream and fig.

”If I had a heart” by Fever Ray

Pannacotta

”Where is my mind” by The Pixies

Fruit carpaccio.

”You can call me Al” by Paul Simon

Pancakes, chocolate mousse & cream.

”Nuthin but a ‘G’ thang” by Dr Dre feat. Snoop

Sundae surprise.

”Don’t look back into the sun” by The Libertines

Cheese cake with jelly.

”Here I go again” by Whitesnake

Mais algumas

A mesa

O domingo rendeu algumas fotos como previsto, mesmo. A dona Dani enviou muito poucas e eu preferi mostrar apenas 3, porque denigrem menos minha imagem e dá pra ter uma idéia do estado da nossa mesa nos finalmentes do café: tudo misturado.

E é claro que nem só de cookie vive o homem, então obviamente a noite acabou em pizza Hut :)

%d blogueiros gostam disto: